Portal de Eventos do IFRS, SICIT (2017)

Tamanho da fonte: 
O ensino de sociologia para adolescentes
Mateus de Oliveira Paludo, Guilherme Girelli, Mariana Suhre Schneider, Camile Glanert Tecchio, Janine Trevisan

Última alteração: 30-10-2017

Resumo


No ano de 1971, durante a Ditadura Militar no Brasil, o componente curricular de Sociologia foi retirado do currículo escolar do Ensino Médio, através da lei n° 5692, juntamente com a Filosofia, por serem consideradas uma ameaça ao regime político vigente na época. No ano de 2008, através da lei 11684/2008 a Sociologia retorna como obrigatória, lembrando que uma geração inteira já se formara no Ensino Médio sem os devidos conhecimentos provenientes da disciplina. Durante esses 40 anos, a Sociologia foi ensinada apenas em cursos de nível superior, o que demanda outros tipos de materiais e didática. Essa exclusão resultou, assim, na baixa quantidade de materiais didáticos oferecidos para o ensino de Sociologia para adolescentes. Considerando que a obrigatoriedade da disciplina no Ensino médio data de 2008 e, portanto, há ainda pouca utilização dos materiais disponíveis, o impacto de suas reflexões junto aos adolescentes ainda foi pouco testado e percebido. Esse projeto de ensino objetiva que os próprios adolescentes analisem todo o conteúdo e proponham articulações com novos métodos de aprendizado, garantindo melhor entendimento do conteúdo trabalhado em sala de aula. A metodologia consiste em identificar, pesquisar, debater, propor e rejeitar materiais (tais como: vídeos, curtas-metragens, filmes, músicas, séries, reportagens, documentários, textos, livros, entre outros), para assim, contribuir com uma melhor educação e aprendizagem, analisando métodos que vão além dos teóricos e aprimorando os práticos. Dentre os resultados obtidos está uma lista de atividades analisadas, propostas e rejeitadas. Na mesma, destacam-se debates, jogos e dinâmicas que podem vir a ser aplicadas com as turmas do Ensino Médio. Para identificar o melhor material didático-pedagógico a ser utilizado em sala de aula, procuramos recursos que mais se encaixam em uma esfera moderna, que faça parte dos interesses dos alunos e que também abranja de forma completa os conteúdos a serem trabalhados, aproveitando tudo o que as mídias nos oferecem. O ensino da sociologia é essencial para o exercício da cidadania no mundo, o que nos torna suscetíveis à instrução de seus ensinamentos. Ela nos capacita a fazer parte de uma sociedade e compreendê-la, além de conhecer os seus princípios, como por exemplo a política, o soberanismo, a identidade e o gênero, raças, cotas e exclusões sociais. Ela desperta o espírito da dúvida e investigativo dos estudantes, auxiliando a alargar a compreensão dos processos humanos. Analisar e propor materiais adequados a esse propósito tem se mostrado de fundamental importância para melhor compreensão e aplicação de seus conteúdos no dia a dia dos jovens.


Palavras-chave


Ensino Médio; Sociologia; Metodologias

Texto completo: PDF