Portal de Eventos do IFRS, 5º SALÃO DE PESQUISA, EXTENSÃO E ENSINO DO IFRS

Tamanho da fonte: 
SUSTENTABILIDADE EM CADEIAS DE SUPRIMENTO: UMA ANÁLISE DESCRITIVA DA LITERATURA BRASILEIRA
Dener Fernando Finotti, Ana Paula Ferreira Alves

Última alteração: 06-01-2021

Resumo


SUSTENTABILIDADE EM CADEIAS DE SUPRIMENTO: UMA ANÁLISE DESCRITIVA DA LITERATURA BRASILEIRA

Dener Fernando Finotti

E-mail: dener.finotti98@gmail.com

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) - Campus Rolante. Rolante, RS

Ana Paula Ferreira Alves

E-mail: ana.alves@rolante.ifrs.edu.br

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) - Campus Rolante. Rolante, RS

Resumo: Nas últimas décadas, o consumo de produtos e serviços vem aumentado cada vez mais e, com isso, o aumento na produção de lixo e resíduos industriais vem acompanhando esse ritmo de crescimento. Um tema que vem ganhando interesse é como as cadeias de suprimento estão lidando com esta produção em massa e, simultaneamente, com questões ambientais e sociais. O conceito de Sustentabilidade em Cadeia de Suprimentos surge nesse contexto. A literatura define sustentabilidade em cadeias de suprimentos como a integração estratégica e transparente dos objetivos sociais, ambientais e econômicos de uma organização na coordenação sistêmica dos principais processos de negócios interorganizacionais, com o objetivo de melhorar o desempenho. Este estudo objetiva analisar como a sustentabilidade na cadeia de suprimentos vem sendo abordada na literatura brasileira. Destaca-se que o estudo faz parte da primeira etapa de um projeto que busca analisar como ações de sustentabilidade estão sendo adotadas em cadeias de suprimentos calçadistas do Vale do Paranhana/RS. Nesta primeira etapa, foi realizada uma revisão sistemática da literatura. Durante setembro e outubro de 2020, foram pesquisadas as bases de dados Spell e Scielo com rodadas de buscas de palavras-chave referentes à temática do projeto. A primeira fase resultou em 624 artigos. Na segunda fase, foram excluídos artigos repetidos, totalizando 438 artigos. A terceira fase selecionou 96 artigos, a partir da leitura do título e/ou resumo, e quando necessário, da introdução, para focar em artigos alinhados à temática do estudo. Visando identificar aqueles que apresentavam alinhamento à temática da sustentabilidade nas cadeias de suprimento, realizou-se a quarta etapa da revisão da literatura, chegando-se ao total de 45 artigos. Todos os resultados encontrados neste projeto são iniciais. Os anos com maior publicação são 2012 (9 artigos), 2016 (7 artigos) e 2018, 2019 e 2020 (5 artigos cada). Do primeiro artigo publicado em 2004 até 2020, tem-se 16 anos de estudos sobre o assunto em questão e verifica-se que existem possibilidades para explorar e aprofundar cada vez mais a temática. Revistas com maior número de publicações são Revista Gestão e Produção (4 artigos), Revista de Administração de Empresas (3 artigos) e RACE – Revista de Administração, Contabilidade e Economia (3 artigos). Percebe-se que as revistas com maior publicações são da área da administração. Os dados levantados serão utilizados para aprofundamento teórico no estudo das cadeias de suprimentos e de como elas vêm adotando ações de sustentabilidade.

 

Palavras-chave: Sustentabilidade em cadeias de suprimentos. Sustentabilidade empresarial. Revisão da Literatura.


Palavras-chave


Sustentabilidade em cadeias de suprimentos. Sustentabilidade empresarial. Revisão da Literatura.

Texto completo: PDF