Portal de Eventos do IFRS, I Mostra de Ensino, Pesquisa e Extensão do Campus Avançado Veranópolis - I MEPE

Tamanho da fonte: 
Interface de Comunicação Interativa para a Comunidade Escolar
Sheron Evangelista de Bittencourt, Wellington Ferreira da Silveira, Larissa Ereno da Rosa, Ravel Oliveira Leal, Ricardo Andrade Torales Filho

Última alteração: 12-11-2017

Resumo


O projeto visa à construção de um equipamento que transmite mensagens interativas enviadas por uma interface para um monitor do tipo CRT. Tal ideia se deu através da percepção de um déficit comunicativo entre toda comunidade escolar do IFRS, Campus Rio Grande, onde as ferramentas utilizadas para divulgar notícias são o site e o e-mail, ambos não são acessados frequentemente. O projeto almeja transmitir mensagens em ambientes transitórios no campus, facilitando assim, a comunicação. O objetivo é estabelecer esta comunicação através de uma interface móvel controlada por um smartphone via Wi-Fi, transmitindo a mensagem para um monitor de computador, que atualmente estão sendo desvalorizados. Além de abranger a sustentabilidade, através do seu reaproveitamento, terão um custo acessível.  Para a realização do projeto utilizou-se inicialmente a plataforma Arduino como suporte e após constatar que empregar o monitor no projeto seria o ideal, o foco tornou-se a programação que foi encontrada em pesquisas e alterada de acordo com as principais necessidades. Já é possível transmitir mensagens pequenas, mas essas ainda não são controladas pela comunicação WiFi, ou seja, é necessário alterar a programação na própria plataforma quando se quer trocá-las. Algumas alterações foram cogitadas, como troca da placa microprocessada para a chamada RaspBerry Pi Zero, que oferece como vantagem inicial a não necessidade do desenho de cada letra individualmente, como no Arduino, além da utilização de alguns módulos externos como o ESP 8266. Mas, o mesmo ficará para projetos futuros, pois a sua utilização não mantêm o projeto com um baixo custo e foge do escopo inicial. A meta no presente momento é utilizar o Arduino junto com o Blynk, que nada mais é do que uma plataforma que integra um aplicativo (IOS ou Android) com o hardware escolhido. Embora o projeto esteja em desenvolvimento, os resultados preliminares são satisfatórios, mesmo sem a comunicação entre smartphone e Arduino, podendo ser empregado para a transmissão de mensagens como itinerário dos ônibus a chegar ao campus, data, mensagens de boas vindas aos ingressantes e aplicações do tipo.


Palavras-chave. Arduino. Comunicação. Sustentabilidade.